10 de maio de 2011

Resenha: A Balada da da Lua Azul - Isabel Vieira


Isabel Vieira
Editora Salesiana
Págs. 84

Lua, energia, jovens e muitas emoções pelo ar, as festas que se tornaram rotina, as raves. Uma praia ou um sítio, lugares que representem a natureza e possam vislumbrar novas possibilidades. Como tantos jovens, com tantas personalidades, profissões distintas descobrem e desvendam os prazeres de uma rave?


A balada da lua azul narra para nós a reflexão sobre como os jovens se divertem nas raves, mas o que é a lua azul?

A lua azul é uma tradição do culto às deusas lunares, que existia antes da Era Cristã. É uma lua cheia regida pela matriarca que favorece a visão” ( p.12).
A magia da balada na praia, litoral do Rio Grande do Norte, conhecido como Ponta do Cajueiro. Juventude, Praia, DJ, tendas e todas as tribos, noite e manhã inesquecível.. Inesquecível será!!

Irene, Zé Surfista, Anderson,Tito, Tati, Luiza e Lavínia são amigos das baladas. 

Alguns jovens, só vão para divertir-se, mas outros têm comportamentos estranhos, e Irene, jovem, extrovertida enfermeira sai da rave da Lua Azul antes do dia amanhecer, pois irá ministrar um plantão no hospital, mas antes, observa comportamentos estranhos: jovens com alucinações, e bebendo exageradamente água. Beber água, poderia parecer um alívio, mas imaginem... um consumo de balinhas para alegrar o ambiente.
Pode-se imaginar que a história será conduzida pela festa, curtição, mas este é apenas um dos pontos abordados pela autora.
Todas as emoções descontroladas de  jovens, em buscar o êxtase da vida, e   que as atitudes podem mudar a vida, como num acidente de carro.
Zé Surfista, condutor do carro, passou noites e noites sem dormir e provocará sérios danos para várias vidas....
E ai, vem a seguinte questão: Até que momento, um acidente de automóvel pode gerar mudanças tão significativas de comportamento de um ser humano?





Como será ver jovens, que eram saudáveis, de repente, desfalecerem em uma cama de hospital, por causa de acidente de carro?



As coincidências da vida irão ser apresentadas nesta narrativa, como se fosse premonição de    fatos que ocorrem no dia a dia. Mas, a complexitude é encontrar revelações em ambientes das Redes Sociais, como Orkut. Tito comentou uma vez num fórum sobre Eutanásia, e de repente, está em condições de não ter domínio de sua própria vida, tudo originado por  seqüelas de um acidente, que lhes deixa em um hospital entre a vida e a morte.

Vida, Morte, Juventude, Renovação, Encontros e Desencontros são palavras que conduzem a narrativa, jovens que não imaginavam que fossem capazes de perder o controle, mas vêem o abismo das tribos das baladas, onde tudo é possível e preciso para alcançar a transcendência...
Todas as circunstâncias que irão  mostrar que amizade cria novos elos, e que a morte é capaz de modificar a quem fica, e que “ a vida é um direito e não uma obrigação” e mostra as faces secretas de cada ser humano.

Quer saber mais, leia : A balada da lua azul.

Gostaram da narrativa?

Este livro é da nossa maravilhosa parceira, que me encantou com o livro A garrafa no mar, e pouco a pouco vamos descobrindo sua produção
Quer conhecer um pouco mais sobre Isabel Vieira, acesse seu site: AQUI


Que tal #Ganhar alguns marcadores da Editora Salesiana, Quando chegar a 30 comentários, para quem for seguidor do blog TecerGirassóis, faremos o sorteio de 4 marcadores da nossa parceira, Editora Salesiana.

No comentário, basta responder a seguintes pergunta:
Que imagem você cria em sua mente, a partir da leitura desta resenha?

11 comentários:

  1. Oi Rê!!! Estava esperando pro esta resenha! Quando você me falou do livro fiquei divagando sobre ele, querendo saber do que se tratava realmente.
    E achei sua resenha muito esclarecedora!
    Jovens, raves, drogas, diversão = acidente.
    Acidentes de carro é um termo muito familiar pra mim.. rsrsrs Mas não no sentido que parece ter ocorrido na história. O livro é fininho, ne!? Acho que a leitura flui rápido!
    Vou ler este livro assim que possível!!!

    Beijos^^
    Danni
    Garotas & Livros

    ResponderExcluir
  2. Adorei essa parte:
    "As coincidências da vida irão ser apresentadas nesta narrativa, como se fosse premonição de fatos que ocorrem no dia a dia. Mas, a complexitude é encontrar revelações em ambientes das Redes Sociais, como Orkut".

    Beijos linda!
    Sucesso!

    ResponderExcluir
  3. Fiquei BEM curiosa pra ler esse livro, Rê!
    Parabéns pela resenha!

    =*
    Mi
    Inteiramente Diva

    ResponderExcluir
  4. Não conhecia o livro, Rê, mas gostei bastante da resenha, ele parece ser interessante. Gostei da capa tb *-*

    Bjs,
    Kel - It Cultura
    www.itcultura.com

    ResponderExcluir
  5. Gostei do livro,a resenha mostrou bem o conteúdo dele.
    Bem interessante e fala de questões muito sérias que nos faz refletir.

    Beijos Lindona!
    by Carla

    www.blogmeureino.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. uau! Adorei a resenha =D Esse livro parece bárbaro \o/

    ResponderExcluir
  7. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  8. Linda capa, linda resenha! Faz pensar sobre o modo como a juventude, que tem tanta luz e tanta garra se reflete no mundo...Livro bom pra pensar! bjos!

    ResponderExcluir
  9. Olá já é a segunda vez que esse livro passa em minha frente! Interessante!!

    Ps:O outro comentário foi com erro.Desculpa!!

    ResponderExcluir
  10. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  11. Adorei a resenha! Nunca tinha ouvido falar desse livro, parece bom, quero ler!!!

    @nann_da
    Fernanda Carvalho

    ResponderExcluir