26 de setembro de 2010

Histórias e Encantos: contribuições dos seguidores do Blog Girassóis

A contadora Renata Holanda contando e vivendo a história, os abraços são mágicos.


As crianças, no Colégio Santa Sofia, em Garanhuns, após a contação, manuseando os livros.

"Pra mim, livro é vida; desde que eu era muito pequena os livros me deram casa e comida.Foi assim: eu brincava de construtora, livro era tijolo; em pé, fazia parede, deitado, fazia degrau de escada; inclinado, encostava num outro e fazia telhado.E quando a casinha ficava pronta eu me espremia lá dentro pra brincar de morar em livro."
(Lygia Bojunga) 

Muitos escritores relutam em afirmar que suas narrativas não tenham relação com fatos vividos por eles ou amigos e parentes, mas nós que escrevemos sabemos o quanto a vida vivida pelo outro, recontado, recriada se completa com as nossas e nessa teia de construções, as histórias nascem, multiplicam-se e nos trazem grandes alegrias. Tornamo-nos personagens de cada acontecimento. Então, lembro-me de Lygia Bojunnga, nossa grande escritora, na fala de uma de suas personagens, a Tia Penny, de Aula de Inglês, grande romance," não foi à toa que eu me apaixonei por você. Eu me impressionei com sua beleza e, depois, no decorrer das aulas que me dava eu fui me apaixonando. O meu primeiro e grande amor". Sim, a contação de histórias é uma paixão.
Saudações, amigos, nesta tarde quente de setembro.
Antonise


Nenhum comentário:

Postar um comentário