13 de novembro de 2009

O que literatura e criatividade tem a ver com mercado de trabalho?

No último dia 11 de novembro, tivemos mais um evento promovido pela Assessoria Pedagógica de Literatura Infantil e Juvenil no Colégio Imaculado Coração de Maria em Olinda. A professora Ynah de Souza conversou com as professoras do Ensino Infantil e Fundamental 1 a respeito do tema "Literatura, criatividade e ... mercado de trabalho". Na ocasião, as professoras e coordenadoras da escola ficaram conhecendo a proposta pedagógica da assessoria: colaborar na seleção dos títulos de literatura infantil do catálogo da FTD e na elaboração (e acompanhamento) dos projetos de leitura. Isso sem falar, é claro, nos eventos de contação de histórias promovidos pela assessoria e desenvolvidos pela nossa contadora Renata Holanda.
Nossa assessora apresentou os títulos que compõe o nosso projeto de leitura para 2010, sugerindo algumas atividades pedagógicas possíveis a serem desenvolvidas no Colégio Imaculado Coração de Maria.
Ficam registrados o carinho e a atenção com que todos nós que compomos a equipe pedagógica da assessoria da FTD, filial Recife, somos sempre recebidos naquela instituição. Um registro especial merece a professora Altair - que, desde a nossa primeira visita, compreendeu nosso objetivo em somar esforços na busca por um ensino de melhor qualidade.






Um comentário:

  1. Estar com a professora Ynah é sempre um prazer , pois ela nos encanta com seu amor pela literatura.Além disso, esses espaços pra discussão literária são oportunidades de aprendizagens coletivas e solidárias, porque construidas "em situação de troca".
    Para o ano letivo de 2010, adotamos a coleção de Fábulas para os 1ºs anos do Ensino Fundamental, com o objetivo de iniciar o processo da alfabetização pelo caminho da literatura e dos valores que esse gênero literário nos traz.
    Contamos com a parceria da Editora FTD, na pessoa da Profª Ynah,que nos acompanhará durante o ano.
    Agradeço fraternalmente,em nome da Equipe Pedagógica do Colégio!
    Maria Altair Farias Galvão

    ResponderExcluir